Seguidores

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Aposte em cinco penteados adequados para trabalhar

Uma aparência bem-cuidada é fundamental no ambiente de trabalho. Além da roupa, muitos outros aspectos são importantes para compor uma imagem apropriada. Pele e unhas tratadas mostram cuidados com a higiene e boa educação. Além delas, os cabelos podem passar imagem de uma pessoa eficiente e bem-sucedida ou de uma profissional desleixada.

Cabelo sujo, mal cuidado ou despenteado pode fazer seus colegas e clientes pensarem "como ela dará conta do projeto se nem tem tempo de lavar os cabelos?". Portanto, apesar de ser comum ouvir conselhos do tipo "e não deu para lavar, prenda os fios", os cuidados com a aparência devem entrar na "to-do list" diária.

Para facilitar essa tarefa, a consultora de imagem Marcele Goes enumerou cinco tipos de penteados que garantem transmitir uma boa impressão no escritório. Ela também aponta os erros mais comuns cometidos pelas mulheres.

As melhores opções para o ambiente de trabalho
1) Cortes curtos que fiquem ajeitados, sem frizz ou pontas muito espetadas 2) Penteados meio presos 3) Rabo de cavalo posicionado do meio da cabeça para baixo. Os que ficam no alto da cabeça não devem ser usados, pois são modernos demais. E é importante cobrir o elástico usando uma mecha do próprio cabelo para dar acabamento ao penteado. 4) Cabelo longo solto é permitido, desde que domado e bem-cuidado: sem frizz, volume excessivo ou franja que caia no rosto com frequência. 5) Trança do tipo mais solta, como variação ao rabo de cavalo.
Os erros mais comuns
1) Colocar uma piranha de qualquer jeito para prender os cabelos. Os acessórios deveriam ser totalmente abolidos do ambiente de trabalho.
2) Colocar diversas presilhas tique-taques ao redor da cabeça. Usar no máximo duas, da forma menos infantil possível e de cor semelhante à do cabelo.
3) Cabelo excessivamente oleoso. Mesmo para um penteado preso, o cabelo precisa estar razoavelmente limpo.
4) Usar acessórios de cabelo inadequados ao trabalho como: fivelas grandes e com muito brilho, tiaras com flores grandes e motivos infantis, cores muito chamativas.
5) Deixar aparecer raízes muito crescidas, precisando de retoques de tintura, luzes ou relaxamento.

Um comentário:

  1. Oi, Rô!

    Ótimas dicas, o ambiente profissional sempre traz muitas dúvidas.

    Beijos!

    ResponderExcluir

Seu comentário me deixa muito feliz, não saia sem comentar.
Bjs
Rô Santana